Investir para o futuro dos filhos

Fazer investimentos é uma das melhores formas de conseguir poupar dinheiro e fazer com que esse dinheiro renda mais para que seus objetivos possam ser alcançados. Assim, investir para o futuro dos filhos é uma estratégia eficiente para garantir o melhor para eles.

Quando se tem filhos é interessante desde cedo pensar no futuro deles, para que quando eles precisarem possam ser auxiliados pelos pais.

Investir para o futuro dos filhos é uma forma de garantir que futuramente eles possam frequentar uma universidade para cursarem o que escolherem, sem maiores preocupações com mensalidades ou para que eles possam realizar qualquer outro sonho na idade adulta.

No artigo de hoje você vai conhecer as melhores formas de poupar dinheiro e investir para o futuro dos filhos. Confira.

Entenda o que são investimentos a curto, médio e longo prazo

O primeiro passo para que você possa investir para o futuro dos filhos é entender a diferença entre investimentos de curto, médio e longo prazo e qual é o tipo de investimento mais adequado para atingir esse objetivo.

Cada um desses investimentos, servirá para alcançar metas a serem atingidas em determinado período de tempo, como você pode ver abaixo:

  • Metas de curto prazo

Pensando no curto prazo, sua prioridade deve ser quitar suas dívidas extras, principalmente as que possuem juros mais altos, como cartões de crédito e o cheque especial.

Em seguida, você deve pensar em quais são as suas necessidades mais urgentes e imediatas, como uma pequena reforma em algo que precise de atenção na sua casa, por exemplo.

Aí sim é possível passar para metas maiores e realização de sonhos que carecem de algum tipo de investimento maior.

  • Metas de médio prazo

Em relação ao médio prazo é o momento de traçar metas e objetivos relativamente maiores, que irão exigir um maior investimento financeiro para serem alcançadas.

Nos objetivos a serem considerados de médio prazo incluem-se quaisquer bens ou serviços que possam ser conquistados em um prazo máximo de 12 meses.

  • Metas de longo prazo

Os objetivos de longo prazo são aqueles desejos considerados maiores, que exigem um período de tempo superior e um planejamento maior para serem conquistados.

Nesta categoria encontram-se os objetivos e metas que precisarão da colaboração conjunta dos membros da família e necessitarão de mais de 1 ano para serem alcançados e para atingir metas como essas é necessário um planejamento maior e mais detalhado.

Uma dica é colocar no papel em quanto tempo você gostaria de atingir cada um desses objetivos e quanto de dinheiro será necessário investir mensalmente para conseguir atingi-los.

Deste modo, podemos dizer que investir para o futuro dos filhos é uma meta que deve ser pensada a longo prazo, portanto é esse tipo de investimento que você deverá procurar.

Gestão de riscos do investimento é importante

Outro fator que deve ser considerado quando você pretende investir para o futuro dos filhos é a gestão de riscos dos investimentos que você pretende fazer.

É comum que as pessoas tenham a ideia de que investimentos estão associados a instabilidade e que por isso eles não seriam uma boa ideia para resguardar o patrimônio de seus filhos para o futuro, porém isso não é uma verdade.

Investimentos realmente contam com alguns riscos, mas basta saber escolher um investimento seguro. Investir é pensar no futuro e fazer investimentos da maneira adequada significa não comprometer o presente para fazer isso.

Procurar alternativas para incrementar a renda através de investimentos, inclusive não é nenhum um luxo, principalmente se analisarmos o atual contexto de instabilidade e crise econômica.

Investir para o futuro dos filhos na verdade é quase uma necessidade intrínseca para garantir uma certa estabilidade das finanças para os mesmos futuramente.

Entretanto, investir não é um mar de rosas, e é preciso sabedoria, estudo sobre o tema e estratégia. Confira abaixo algumas dicas para investir com segurança:

  • Em primeiro lugar, você deve traçar as metas financeiras que deseja atingir através do investimento, ou seja, estabelecer quanto quer ganhar e em quanto tempo pretende fazer isso;
  • É necessário, antes de começar um investimento, se dedicar a estudar e adquirir conhecimento acerca da área. Se você é leigo, antes de começar estude o assunto;
  • Não vai ser eficiente apostar em investimentos que foram indicados para você, porém que não sejam coerentes com suas convicções. É necessário que você acredite no investimento que está fazendo;
  • É necessário ter foco, uma vez que os melhores investimentos que são mais rentáveis são aqueles que dão resultados no longo prazo;

Além disso, outro fator que deve ser considerado na hora de começar a fazer investimentos é a gestão dos riscos destes investimentos.

Investimentos implicam em alguns riscos, entretanto é possível tomar alguns cuidados para diminuir a chance de algo dar errado, fazendo com que você perca dinheiro ao entrar investir para o futuro dos filhos.

A gestão de riscos de investimentos, desta forma é realizada considerando os seguintes fatores de risco envolvidos nos investimentos:

  • Risco do Ativo

Para diminuir os riscos do ativo, uma boa solução é diversificar seus investimentos, não se tornando dependente exclusivamente de um ativo.

  • Risco de Mercado

A globalização da economia cada vez mais crescente, faz com que todos os tipos de investimento estejam sujeitos às flutuações do mercado. Esteja atento a essas oscilações para proteger seus investimentos;

  • Risco de Liquidez

Quanto maior o valor do ativo, mais difícil fazer com que ele se torne dinheiro vivo. Imóveis por exemplo, podem ter um valor elevado, mas é preciso que alguém os compre para serem convertidos em dinheiro.

Previdência privada

Um plano de previdência privada é uma ótima alternativa para investir para o futuro dos filhos. Algumas alternativas contam, inclusive, com planos especiais para menores de idade.

A maioria das instituições que oferecem esses planos também possibilitam que você coloque o seu filho como beneficiário ou como titular do plano, atraindo pessoas por conta das vantagens que o longo prazo da previdência privada oferece.

Segundo a Federação Nacional de Previdência Privada e Vida, nos últimos anos, a arrecadação de planos de previdência privada voltadas para os menores tem crescido consideravelmente.

O mais interessante é que, quanto mais nova a criança é, mais tempo os pais têm para investir para o futuro dos filhos, planejando com cuidado e poupando recursos para tornar o montante cada vez maior.

Dessa forma, o resultado do plano de previdência contratado pode ser expressivo e permitir que uma fase da vida onde os gastos são altos, como é o período da faculdade, possa ser enfrentado com a tranquilidade de ter os recursos necessários disponíveis para a família.

Quanto antes o grupo familiar começar a investir para o futuro dos filhos, melhor e mais benefícios poderão ser extraídos do plano de previdência privada a ser contratado.

Esse tipo de investimento é sempre indicado para quem deseja colher os resultados no longo prazo, como é o caso de investir para o futuro dos filhos.

Entretanto, antes da contratação alguns fatores devem ser levados em consideração, tais como o fato de, normalmente, a previdência privada ser uma aplicação que conta com taxa de administração relativamente alta.

O ideal a se fazer é elaborar uma simulação do investimento, considerando a idade da criança quanto será possível aplicar mensalmente e quais serão os gastos totais que se pretende cobrir a partir dessa aplicação.

Para investir para o futuro dos filhos não basta apenas contratar um plano de previdência privada para menores sem avaliar com cuidado as taxas de administração e as possibilidades de rendimentos que a aplicação podem oferecer.

Pode ser que outro tipo de investimento seja mais rentável e mais vantajosos para atingir o seu objetivo, por isso, antes de fechar qualquer negócio ou contratar qualquer tipo de aplicação, pesquise bastante e se informe a respeito com cuidado.

Levando em consideração que é o futuro dos seus filhos que está em jogo, vale a pena tomar todas as precauções nesse momento.

Tesouro direto

Outra opção de aplicação na qual vale a pena investir para o futuro dos filhos são alguns dos títulos do Tesouro Direto, em especial aqueles com um prazo de resgate maior.

O Tesouro Direto é uma opção de investimento que é fácil e cujo gerenciamento é bastante simplificado. Além disso, ela é uma aplicação de baixíssimo risco.

Um fator bastante atrativo do Tesouro Direto para investir para o futuro dos filhos é o fato de que não é necessário um aporte inicial muito alto para começar sendo possível, com valores a partir de apenas 30 reais, já adquirir um dos títulos públicos da dívida nacional.

Outro ponto positivo dessa opção de investimento é o fato de que o mesmo tem apresentado um rendimento superior ao da Caderneta de Poupança sendo até mais seguro e em caso de títulos como o Tesouro Selic, ainda contando com liquidez diária.

Na verdade, todos os títulos do Tesouro possuem liquidez, o Tesouro tem o compromisso da recompra, mas para os demais títulos existe a marcação a mercado, ou seja, o preço do ativo muda todos os dias por conta de fatores como a demanda e oferta ou a expectativa futura dos juros. Assim, não respeitando a data do vencimento do seu papel, você pode ter prejuízo.

Mais uma vantagem de investir para o futuro dos filhos através do Tesouro Direto é que essa é uma aplicação que te dá a alternativa de realizar o seu investimento de forma programada.

Isso significa que, no Tesouro Direto é possível agendar a compra e venda de seus títulos de forma periódica. Além disso, é possível optar também pelo reinvestimento automático.

Esse reinvestimento automático pode ser tanto dos juros dos títulos que podem ser resgatados a cada 6 meses, quanto do resgate a ser obtido na data de vencimento dos títulos.

A vantagem aqui é que não será necessário ficar lembrando sempre de investir para o futuro dos filhos no programa ao longo do tempo, já que os rendimentos podem ser reinvestidos automaticamente.

Confira abaixo o que você deve fazer para investir para o futuro dos filhos através do programa Tesouro Direto:

  • Se o seu filho ainda não tem CPF, providencie um para ele. Você pode fazer isso em uma agência da Caixa, no Banco do Brasil ou dos Correios num valor de 5,70 reais ou gratuitamente em entidades públicas conveniadas;
  • Pesquise e escolha a sua corretora de valores e abra uma conta de custódia para a criança, veja uma que seja isenta de cobrança nesse investimento. Você não vai precisar de uma conta corrente em uma instituição bancária para isso. Essa corretora é que será a responsável pelas suas transações no programa Tesouro Direto;
  • Realize o cadastro na corretora que você escolheu em nome da criança, afinal a ideia é investir para o futuro dos filhos;
  • De forma geral, a documentação necessária para isso será o RG e o CPF da criança e os comprovantes de conta em banco e de residência do responsável legal pela criança perante a corretora de valores;
  • É possível fazer esse cadastro através da internet;
  • Enviados os documentos, normalmente, o prazo da corretora para a abertura da conta de custódia é de 1 ou 2 dias úteis;
  • Depois disso, você vai receber a sua senha provisória para acessar o site do Tesouro Direto. Você deve trocar a senha de acesso logo que entrar no site pela primeira vez e daí já pode começar as negociações dos títulos.

No artigo de hoje você conferiu o que deve fazer para investir para o futuro dos filhos da melhor maneira possível, além de ter encontrado algumas dicas interessantes de investimentos para quem tem esse objetivo.

Se você gostou dessas dicas e quer mais conteúdo como este, para ajudar a estabilizar as suas finanças, em nosso blog você encontra muito mais. Para isso, continue acompanhando o nosso conteúdo e confira as nossas publicações anteriores.

Artigos que podem ser úteis para você: Como o FGC ajuda o investidor? | Onde está meu erro ao tentar economizar dinheiro?

Compartilhe esse artigo com seus amigos! ;)
By | 2018-09-11T22:50:55+00:00 setembro 12th, 2018|Dicas de como poupar, Investimentos, Renda Fixa|0 Comments

About the Author:

App Renda Fixa
É possível através do aplicativo Renda Fixa comparar, pesquisar vários tipos de investimentos reais por valor, período de vencimentos, tipos de investimentos e corretoras, podendo ser ordenados em sua pesquisa por taxa, vencimento, tipos de investimentos e corretoras. Baixe o app Renda Fixa. :)

Leave A Comment