Pirâmide Financeira: Entenda como funciona e evite o golpe

O App Renda Fixa acaba de lançar um produto incrível que promete retorno de 1000% acima da média do mercado e o risco é zero. Esse produto é revolucionário, nunca antes visto e vai mudar de vez a forma como as pessoas investem.

Para adquirir esse produto é muito simples e fácil, basta o investidor transferir a partir de R$ 10 mil para nossa conta corrente. Pronto, a partir disso você já pode se aposentar e aproveitar a rentabilidade de 10% ao mês desse maravilhoso investimento. E para cada indicação de amigo ou familiar você vai receber um bônus exclusivo de mais 0,1% ao mês por pessoa, ou seja, se você chamar 10 pessoas sua rentabilidade passa a ser incríveis 11% ao mês.

Nosso produto, um título de renda fixa, segue a metodologia mais avançada criada recentemente nos EUA por economistas vencedores do Prémio Nobel. O mercado financeiro americano está completamente assustado com a rentabilidade desse produto, e você pode ser um dos primeiros privilegiados a ter esses benefícios no Brasil.

Gostou do produto? Vai investir? Claro que não. Primeiro, é claro que se trata de um esquema de pirâmide e segundo, o App Renda Fixa não vende produtos e nem mesmo cobra nada de seus queridos usuários. Porém, promessas de produtos parecidas com essa são muito comuns, infelizmente, e muitas pessoas inocentes acabam sendo enganadas. No artigo de hoje vou explicar melhor como funcionam esquemas de pirâmide financeira e como evitá-los.

O que é Pirâmide Financeira?

O que é pirâmide financeira?

A Pirâmide financeira, também conhecida como a “Pirâmide de Ponzi” é um modelo comercial previsivelmente não sustentável que depende basicamente do recrutamento progressivo de outras pessoas cobrando uma taxa de entrada para a manutenção do modelo, a níveis insustentáveis.

Para melhor entendimento vou continuar com o exemplo que eu dei na introdução desse artigo.

Eu sou o criador do esquema, portanto eu estou no primeiro nível. Logo, eu convido 10 pessoas para investir nesse produto financeiro, essas estão no segundo nível. O esquema já possui R$ 100 mil em capital (R$ 10 mil X 10 pessoas). A partir disso eu encorajo os entrantes do segundo nível a recrutar mais 10 pessoas prometendo participação maior nos lucros. Com isso, o terceiro nível já possui 100 pessoas, e o patrimônio total já salta para R$ 1,1 milhão.

Bom, aqui já podemos explicar algumas coisas. Nesse momento eu decido por realmente pagar aos investidores do segundo nível uma taxa de 11% ao mês que eu havia prometido, então faço o pagamento de R$ 1,1 mil. Olha que interessante eu consegui honrar com a minha palavra com eles, mas em nenhum momento apliquei o dinheiro de verdade. Os criadores da pirâmide nesse momento falam para seus investidores se em vez de gastar esse dinheiro eles não preferem reaplicar? Com uma taxa exorbitante e vendo que o dinheiro foi entregue de volta, alguns deles decidem que sim.

Nesse meio tempo, os investidores do secundo nível já avisaram para os investidores do terceiro que o negócio é uma maravilha e realmente pagou o que foi prometido. Agora o terceiro nível que passa a recrutar pessoas criando um quarto nível e assim a história se repete até o momento em que não é mais possível a entrada de pessoas no esquema.

Percebe que no 11º nível já não existe população o suficiente no Planeta Terra para dar continuidade na pirâmide? Então, é justamente por conta disso que a pirâmide financeira é fadada ao fracasso depois de um tempo, e logo entra em colapso. Mas com certeza o criador, no caso eu, que está no primeiro nível é o único que sabe disso e ó único que com certeza vai lucrar e muito!

Porque as pessoas são fisgadas?

Eu posso elencar vários motivos que levam as pessoas a serem ludibriadas por esse esquema: falta de educação financeira, inocência, entre outros.

É obvio que o estelionatário não vai conseguir enganar alguém que tem uma boa educação financeira e sabe muito bem como investir, quanto o mercado remunera, a segurança que a renda fixa oferece, entre outras coisas.

Ao usar palavras-chave atraente como alta rentabilidade, baixo risco, ganho expressivo, retorno certo, lucro exorbitante o pilantra tenta ganhar a atenção da vítima.

Logo em seguida explica com palavras complicadas como é o esquema para a pessoa sequer conseguir debater o assunto, explorando justamente a falta de conhecimento.

Quando a vitima tenta se informar com terceiros ele ataca dizendo que essas pessoas não querem o bem dela, estão com inveja, elas é quem desejam entrar no esquema, ou seja, usam o ingenuidade para atrair de vez .

Como se proteger

O que é pirâmide financeira?

Vou deixar aqui algumas dicas para identificar esquemas de pirâmide financeira e assim evita-los.

  • Pouca ou nenhuma informação sobre a empresa
  • Promessas de rendimentos exorbitantes.
  • Nenhum produto real ou produto bem acima do valor de mercado.
  • Vaga descrição do produto ou muito complexa.

De longe o principal sinal de alerta que deve ser ligado é quando a promessa é uma rentabilidade incrível. Todos os esquemas de pirâmides partem desse pressuposto para conseguir atrair membros. Porém, hoje em dia existem esquemas cada vez mais complexos de pirâmides financeiras, envolvendo os mais diversos produtos, criptomoedas, etc. E também ganharam uma roupagem que aparenta credibilidade, como sites e aplicativos. Os esquemas estão ficando muito evoluídos, mas o que nunca muda é a promessa de retorno, ninguém vai querer se arriscar e investir em algo que paga menos que o Tesouro Selic, ou vai? Espero que não.

Espero que tenham gostado do texto de hoje e tenham aprendido um pouco mais sobre o assunto. O App Renda Fixa se propõe a ajudar o investidor sempre buscando os investimentos com as melhores rentabilidades e de acordo com o objetivo e perfil de cada um. Alertá-los a respeito de esquemas como o de pirâmide e outros derivados como Marketing Multinível (MMN) é nosso dever.

Vou ficando por aqui, bons investimentos a todos e até a próxima!

Artigos que podem ser úteis: Indexadores: Tudo que você precisa saber antes de investir | Como escolher uma corretora para começar a investir

Compartilhe esse artigo com seus amigos! ;)
By | 2018-07-05T14:35:18+00:00 julho 5th, 2018|Dicas de como poupar, Investimentos, Renda Fixa, Renda Variavel|0 Comments

About the Author:

Carlos Simão
Mestre em Teoria Econômica pela UEM e formado em Ciências Econômicas pela UNESP, se interessa por temas relacionados a investimentos, macroeconomia, empreendedorismo e finanças pessoais. Atua como criador de conteúdo e consultor econômico no App Renda Fixa.

Leave A Comment