Como organizar suas finanças e sair das dívidas


Você está enfrentando problemas financeiros por causa de contas que não está conseguindo pagar e se sente frustrado por isso? Saiba que sair das dívidas é possível e para começar você deve organizar o seu orçamento, se planejar e agir de forma inteligente e estratégica.

No momento, o desespero pode estar batendo à sua porta, entretanto, é importante manter a calma e começar a tomar alguma atitude para resolver o problema.

Embora você possa até pensar o contrário, organizar o seu orçamento e sair das dívidas pode ser mais fácil do que você imagina, mas para isso, você precisa saber o que fazer, por isso, elaboramos algumas dicas para que você consiga cumprir essa tarefa e garantir a sua tranquilidade financeira.

Se você precisa aprender como organizar o seu orçamento e sair das dívidas, continue lendo as dicas que preparamos especialmente para você nos tópicos a seguir.

Anote todas as suas receitas e despesas

Se você acredita que as pessoas que ficaram ricas, só conseguiram isso por causa do trabalho delas, é bem provável que você deva rever os seus conceitos.

Quem alcança a prosperidade financeira só consegue isso porque é capaz de manter um orçamento organizado e para isso, é fundamental saber exatamente o quanto você ganha e o quanto você gasta.

Sendo assim, para sair das dívidas e organizar as suas contas, o primeiro passo que você deve dar é o de manter uma tabela onde você vai anotar todas as suas receitas, ou seja, aquilo que você ganha (seu salário e outras fontes de renda) e todas as suas despesas, ou seja, tudo aquilo que você gasta.

E quando dizemos que você deve anotar tudo que você gasta, falamos de tudo mesmo, desde suas contas básicas, como luz, água e telefone, por exemplo, até mesmo aquele cafezinho que você toma na padaria da esquina do trabalho todos os dias.

Dessa forma, você poderá ter uma noção exata do quanto você ganha e do quanto você gasta e pode manter o seu orçamento organizado, planejar os seus gastos e sair das dívidas com mais facilidade.

Para fazer isso você pode utilizar uma planilha de gastos mensais ou um app para celular, que pode ajudar bastante nos momentos em que você não pode ter acesso ao seu computador para anotar algum gasto.

Tenha uma meta de poupança

Qualquer um que deseja obter sucesso em relação a algo que pretende fazer, deve estipular uma meta, e quando o assunto é organizar o orçamento e sair das dívidas, não é diferente.

Se você tem dívidas que não está conseguindo pagar e quer sair dessa situação complicada, uma boa ideia para atingir esse objetivo é estipulando uma meta mensal de quanto você precisa poupar para quitar as suas contas atrasadas.

Quando você tem uma meta estabelecida, fica mais fácil chegar onde você quer, isso porque se você percebe que está conseguindo alcançar essa meta até mesmo antes do prazo estabelecido, você tem certeza de que está no caminho certo e pode relaxar um pouco.

Da mesma forma, se você notar que ainda está longe da meta estabelecida, sabe que vai precisar se esforçar mais para chegar onde precisa.

O mais interessante de estabelecer uma meta de poupança mensal para quitar o que você deve é que depois que você conseguir sair das dívidas, você pode manter essa meta com outros objetivos, tais como realizar uma viagem, trocar o seu carro ou realizar qualquer outro desejo financeiro que você tenha.

Antes de comprar alguma coisa, negocie

Toda vez que você for comprar alguma coisa, tente negociar com o vendedor. Essa negociação pode ser sobre o preço dos produtos ou serviços que você pretende adquirir ou sobre a forma de pagamento.

O mais indicado é negociar pela forma de pagamento, uma vez que negociando pelo total dos produtos, pode ser que você acabe gastando mais dinheiro do que estava disposto inicialmente.

Uma boa dica para negociar a forma de pagamento é usando dinheiro para comprar, assim você pode solicitar um desconto para o vendedor, uma vez que ao não utilizar a maquininha do cartão de crédito, taxas serão economizadas tanto para você quanto para o vendedor.

Acaba sendo uma situação onde as duas partes saem ganhando, é ao negociar com o vendedor, é esse tipo de relação que você deve buscar. Não é necessário que ninguém saia perdendo e é esse tipo de pensamento no qual você deve se basear para convencer um vendedor a te oferecer um desconto.

E assim, você consegue economizar mais dinheiro para sair das dívidas.

Faça as suas compras em dinheiro

Para sair das dívidas o ideal é que até conseguir pagar tudo que deve, você evite se endividar ainda mais por meio de compras parceladas, que são um dos grandes vilões do endividamento.

Quando você faz compras parceladas, você pode não perceber o quanto está gastando. Isso porque o fato de não tirar o dinheiro da carteira para pagar traz um fator psicológico importante: você não sente o impacto daquele gasto no seu orçamento naquele momento.

Pode parecer bobagem, mas o fato de pagar as suas compras usando dinheiro vivo ao invés do cartão de crédito, você consegue perceber que está gastando e sente o impacto daquele gasto de forma imediata.

Outra vantagem de pagar suas compras usando dinheiro, como explicamos no tópico anterior, é que assim fica mais fácil conseguir descontos porque está pagando à vista.

Compartilhe o seu orçamento com alguém da sua confiança

Outra estratégia simples, mas que pode ajudar você a sair das dívidas mais rápido é compartilhar o seu orçamento com uma pessoa em quem você confie.

Diga para essa pessoa que você precisa poupar 15% da sua renda hoje para quitar as contas em aberto.

Isso é uma saída interessante, porque quando nos comprometemos com alguém, a tendência é que sejamos mais responsáveis e motivados, uma vez que não queremos decepcionar uma pessoa em quem confiamos.

Se você dividir com as pessoas ao seu redor que está tentando economizar dinheiro para sair das dívidas, a tendência é que você acabe se esforçando ainda mais para atingir esse objetivo, isso é uma questão puramente psicológica.

Outra alternativa é montar um grupo de apoio, algo como um Devedores Anônimos, reunindo pessoas que estejam enfrentando o mesmo tipo de problema financeiro que você.

Assim, juntos, vocês poderão conversar sobre as dificuldades e pensar em formas de solucionar o problema, já que o objetivo de todos é o mesmo.

Procure estar sempre aprendendo

Se você quer manter o seu orçamento organizado e alcançar o equilíbrio financeiro depois de sair das dívidas, é importante que você esteja sempre disposto a estudar e aprender sobre finanças.

Na internet você pode encontrar bastante conteúdo gratuito sobre o assunto.

Aqui mesmo, no Renda Fixa, você pode ler diversos artigos que tratam de temas como investimentos e de finanças pessoais, além de conteúdo explicando como poupar dinheiro, coisa que deve ser o seu principal foco no momento para conseguir quitar o que você está devendo.

Procure fóruns, blogs e vídeos do youtube sobre o tema e se informe o máximo que puder para atingir o objetivo de ter uma vida financeira mais tranquila.

Primeiramente, pague as dívidas com juros mais altos

Outra estratégia que você deve utilizar para sair das dívidas, é pagar primeiro aquelas que possuem os juros mais altos.

Isso porque são exatamente essas pendências financeiras que estão corroendo os seus recursos mais rapidamente.

Os juros vão se acumulando ao longo do tempo e fazendo com que o valor que você deve seja cada vez mais alto. Quanto mais altos os juros e quanto mais o tempo passa, mais difícil vai ficando quitar o que você está devendo.

Sendo assim, faça uma lista com todas as dívidas que você precisa pagar e veja entre elas quais são as que contam com as maiores taxas de juros para que você possa quitá-las primeiro.

Negocie o pagamento das suas dívidas com os seus credores

Se você está devendo muito e quer sair das dívidas o mais rápido possível, uma boa dica é procurar os  seus credores para negociar o pagamento do valor devido.

Tente efetuar o pagamento o mais rápido que você conseguir, assim você poderá pagar uma parcela de juros menor.

Nesse momento, é fundamental que você evite contrair outras dívidas, ainda que pedir um empréstimo para pagar o que você deve seja tentador.

Fazendo isso, você vai estar apenas abrindo um buraco para tapar outro, o que não é uma estratégia nada inteligente para quem precisa organizar o orçamento e recuperar a saúde da vida financeira.

No artigo de hoje você viu algumas dicas simples e práticas para que você possa organizar o seu orçamento e sair das dívidas, garantindo sua tranquilidade financeira.

Se você gostou dessas dicas e quer ver mais conteúdo como esse, continue acompanhando as nossas postagens e confira também os nossos artigos anteriores no arquivo do blog.

Aqui, além de dicas para organizar o seu orçamento e manter a sua vida financeira saudável você também encontra orientações para escolher os melhores investimentos para aplicar o seu dinheiro e muito mais!

Artigos que podem ser úteis para você: Como fazer aportes mensais para investir? | TED e DOC: Você sabe quanto paga?

Compartilhe esse artigo com seus amigos! ;)
By | 2019-03-07T14:03:56+00:00 março 4th, 2019|Finanças|0 Comments

Leave A Comment